Flagrado em carro furtado, homem alega ter comprado veículo por R$ 200 em negociação feita em bar | Presidente Prudente e Região


Um homem de 30 anos foi preso por furto qualificado neste domingo (12), em Presidente Prudente (SP). Segundo o boletim de ocorrência, ele invadiu uma casa, e levou objetos e um carro.

Ainda segundo o registro, o caso foi por volta da 0h25. A Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de furto em residência. No local, a equipe foi informada de que os autores arrombaram o portão da casa e saíram com o veículo da vítima, de 42 anos.

Em patrulhamento pela Rua Lídio Bastos, os policiais avistaram um carro com as características do veículo furtado. No automóvel estavam o homem, um adolescente, e uma mulher que estava com uma criança pequena.

No carro, a PM localizou os objetos da vítima e mais R$ 761 em dinheiro. Questionados sobre os objetos encontrados, eles não souberam dar explicações.

Já a respeito do veículo, o homem disse que comprou de indivíduo magro. O adolescente disse que estava em sua casa e foi convidado pelo amigo para comprar essência de narguilé. A mulher também disse que estava em casa e foi chamada pelos dois para comprar narguilé. Ela disse que não sabia que o veículo era furtado.

O homem e o adolescente negaram o furto. No entanto, de acordo com o BO, “entre a comunicação do furto irradiada pelo Copom e a abordagem passaram-se seis minutos, portanto, pelo curto espaço de tempo, não seria possível eles comprarem o veículo de outra pessoa”.

Os policiais militares disseram que acreditam que após o furto, a dupla passou para pegar a mulher e a criança para levar o veículo para outro local e, dessa forma, não levantar suspeita.

Os objetos e o carro foram devolvidos a vítima. Ela disse que não era a dona do dinheiro.

O adolescente prestou declarações e negou participação no furto. Ele foi ouvido e liberado para o responsável legal.

O homem de 30 anos também foi ouvido na delegacia. “Não furtei esse veículo, na verdade, comprei esse carro de um rapaz desconhecido que passou no bar, no Jardim São Bento, paguei pelo veículo a quantia de R$ 200”, disse o indiciado, conforme consta no BO.

Depois, ele passou na casa do adolescente que pediu para que fossem comprar essência de narguilé e carvão. O indiciado disse que soube que o veículo era furtado porque foi avisado pela Polícia Militar. Ele permaneceu à disposição da Justiça.

O caso foi registrado na Delegacia Participativa como furto qualificado.



Fonte: G1


13/12/2021 – Rádio Cidade FM

PUBLICIDADE

CONTATO

ONDE ESTAMOS

Rodovia Brigadeiro Eduardo Gomes – SP 457 Bastos / Iacri – KM 98 + 500Mts – CEP: 17.690-000.

© 2024 Cidade FM - Todos os Direitos Reservados.

INICIANDO...